domingo, 27 de julho de 2014

Ninfa de Barata Gigante no Rio Grande do Sul

Oi!!!
Anda fazendo muito frio aqui no sul, e após colocar umas lenhas no fogão encontrei esse inseto gostaria que me ajudassem a identificá-lo, gostei muito dele muito diferente, pena que não posso cuidá-lo. vou largá-lo novamente na natureza
obrigado
Roberto Alexandre Trevisan de Caxias do Sul, Rio Grande do Sul.
      Roberto, sera interessante ver a dorsal com mais nitidez. Esta é uma barata da família Blaberidae que são, em geral, baratas de grande porte. De qualquer forma, embora algumas espécies produzam adultos sem asas, esta me parece uma ninfa. Compare com esta Monastria sp. (Blaberinae) em vista dorsal e ventral. Esta outra espécie pode dar uma ideia de como elas mudam, ao atingirem a fase adulta.
     Os adultos são o ideal para tentar uma boa identificação de gênero.

Borboleta Hesperiídea no Ceará

Olá Cesar, por favor queria a identificação desta mariposa que encontrei no meu quarto. Parecia que ela não estava conseguindo voar muito, talvez por algum problema em uma das asas. Obrigado e até mais!
Lucas Laybs de Paraipaba, Ceará.
          Lucas, esta não é bem uma mariposa, mas uma borboleta da família Hesperiidae. Neste exemplar pouco distinto, prefiro não dar palpite abaixo da subfamília Pyrginae, você pode ver algumas semelhantes na galeria de Learn About Butterflies. Ela tem pelo menos uma asa direita danificada, possivelmente o que a impede de voar bem.

sábado, 26 de julho de 2014

Caranguejeira Avicularia no Rio Grande do Norte

Achei essa pequena aranha que mede cerca de 5 cm em um pé de romã em meu sitio, e queria saber se ela é perigosa e se cresce muito, em algumas patas parece que ela esta usando "pantufas" que refletem a luz
Aguardando resposta!!!
dia da foto:20/07/2014
Ítalo de Natal, Rio Grande do Norte.
      Ítalo, esta é uma aranha-caranguejeira Mygalomorphae: Theraphosidae, não me aventuro muito neste grupo, mas esta me parece um spiderling de Avicularia sp. Elas não são perigosas e não ficam grandes; elas ficam enormes.
     Se pretende criá-la, eu sugiro que leia este artigo em Aracno Hobby Brasil.

Lagarta Isognathus no Rio de Janeiro

Olá César, pode me ajudar a identificar essa lagarta? Duas vezes por ano, elas aparecem numa planta que tem no meu quintal. Particularmente as acho lindas, são uma obra de arte. Por outro lado, depois que se transformam em mariposas, não são tão bonitas. São mariposas de asas estreitas, corpo gordo e as cores variam entre o marrom e o preto. Desde já agradeço, e gosto muito do seu site, tenho sempre visitado e visto as postagens das outras pessoas, e aprendo muito com suas explicações. Parabéns!
Eliseu de Maricá, Rio de Janeiro.
      Eliseu, gosto muito das mariposas da família Sphingidae, por terem um tamanho bacana e serem fáceis de se manusear, mas concordo que os adultos de Isognathus caricae não esteja entre as mais atraentes. O tigrado das asas inferiores porém é muito bonito, elas normalmente permitem que se levante as asas superiores pra dar uma olhadinha. Esta imagem mostra as três fases reunidas.
     Obrigado, Eliseu.

Ninfa de Percevejo Predador na Paraíba

Foto retirada em Taperoá, Paraíba, região de caatinha no cariri paraibano
Daltêir de Recife, Pernambuco.
    Daltêir, esta é uma ninfa de percevejo-predador da família Reduviidae, ele vai mudar bastante na fase adulta, aí será o ideal pra dar um palpite de gênero. Não sei o que eu tinha visto pra dar um palpite anterior de Arilus sp., creio que ele esteja mais pra Zelus sp. (Harpactorinae).

Joaninha Zagreus em São Paulo

Bom dia César! Estou enviando a foto dessa joaninha (?) que encontrei há poucos dias aqui em Altinópolis-SP.
Tami de Altinópolis, São Paulo.
     Tami, esta é sim uma joaninha e embora a ocorrência pareça duvidosa na página de Coccinellidae de Argentina, eu creio que esta seja uma Zagreus bimaculosus (Coccinellidae: Coccinellinae: Chilocorini), espécie muito citada como importante predador da cochonilha-do-carmim.

Aranha papa Moscas Psecas em São Paulo

Também envio a foto de uma aranha (gênero Psecas?),também encontrada em Altinópolis. Peço desculpas, pela má qualidade da foto, mas é que ela não parava quieta um segundo...rs!
Tami de Altinópolis, São Paulo.
        Tami, a imagem está boa e eu acredito que a identificação de Psecas sp. (Salticidae: Marpissinae) está correta.

sexta-feira, 25 de julho de 2014

Besouro Tigre em São Paulo

      Besouro-tigre Carabidae: Cicindelinae (=Cicindelidae). Fotografado há algum tempo. Acredito que Brasiella sp.

Ninfa de Barata em São Paulo

Estou cheia desses bichinhos aparecendo no meu apartamento e queria saber o que são, como e por quê surgem e como me livrar deles???
Nunca vi antes, não sei se é uma praga, se é perigoso, se pode afetar minha casa de forma maléfica...
Aguardo uma ajudaaa... rs
Obrigada.
Marília de São Paulo, capital.
      Marília, este é um filhotinho de barata, não sei te dizer qual espécie ainda, mas eu iria de Periplaneta (Blattidae). Elas podem infestar residências e podem carregar doenças.
     Se tratando de um prédio, acho difícil dizer onde está o problema, mas filhotinhos devem ter nascido dentro de casa, mas os adultos têm asas, podem entrar em casa com facilidade. É preciso caprichar na faxina agora, eliminar ootecas, evitar fácil acesso de alimentos. Estas receitinhas 1 e 2 podem ser úteis.
     Bom lembrar que estes bichos não deixam de ser muito importantes para nós, em especial em São Paulo: elas consomem o lixo que nós mesmos produzimos.

Marília: Nossa, já tinha visto filhotes de barata, mas não me lembro de ter visto esse tipo, por isso fiquei em dúvida. Por um lado fico aliviada, pois agora já sei o que fazer para dar fim nesse problema. Meu receio era que fosse outra coisa mais difícil de exterminar.Obrigada pela ajuda e pela rapidez na resposta. Muito legal seu blog, ajuda bastante.
Muito sucesso.
Abs.

Mariposa Phobetron no Espírito Santo

Olá Cesar. Essa é a mariposa que surgiu a partir da pupa que te enviei. Sim, ela estava empupando. É um macho. Muito obrigada novamente. :)
Kel de Cariacica, Espírito Santo.
    Obrigado, Kel. Esta parece ser uma Phobetron hipparchiria (Limacodidae).