quinta-feira, 24 de setembro de 2020

"Centavo D'água" em Minas Gerais

Oi Cesar!
Estou te mandando as fotos daquele Psephenidae, lembra dele? Extremamente pequeno. Estava numa folhinha de Clitoria ternatea.

Encontrei no Planeta Invertebrados, um pouco sobre ele.
TaMi de Itaguara, Minas Gerais.
Sim, me lembro bem. Segundo Planeta Invertebrados:
Somente suas larvas são aquáticas, medindo cerca de 6 mm (adultos são ainda menores), possuem o corpo muito achatado e quase circular, com um aspecto segmentado que podem lembrar isópodes e também os extintos trilobitas. O aspecto achatado das larvas permite um menor atrito com a correnteza. Os adultos são menos achatados e cobertos por uma fina pubescência. Mergulham na água para depositar seus ovos em rochas, pouco abaixo da superfície. Larvas são encontrados comumente sob pedras ou entre as folhas acumuladas nos riachos. Alimentam-se de matéria orgânica e algas perifíticas em biofilmes, com hábitos noturnos. Algumas espécies têm um estágio larvar bastante longo, podendo chegar a dois anos em uma espécie australiana.

Pelo nome em inglês water penny, estou chamando de "centavo d'água".

Nenhum comentário:

Postar um comentário