sábado, 15 de abril de 2017

Vespa Hymenoepimecis Parasitando Aranha do Fio de Ouro em São Paulo

Cesar, aqui está o registro que fiz de uma Hymenoepimecis sp. (Hymenoptera, Ichneumonidae, Pimplinae) que parasitou uma Nephila clavipes. Eu coletei o casulo, e demorou cerca de 9 dias para o adulto emergir. Acho interessante dizer que essas vespas podem modificar o comportamento das aranhas que parasitam, forçando-as a construir uma teia deformada e mais resistente. Nessa "teia-aberração", a larva consome a aranha até a morte, e tece esse casulo dourado, empupando e completando o ciclo.

*Eu não sei a diferença entre H. bicolor e H. robertsae
Abraços o/

Santiago Dos Santos de Bragança Paulista, São Paulo.

Bom, eu acredito que você está correto no gênero Hymenoepimecis, embora haja 22 gêneros no grupo Polysphincta (Ichneumonidae: Pimplinae: Ephialtini), de distribuição cosmopolita, todos parasitoides de aranhas (Sobczak et al., 2012) e de ter dúvida quanto ao diagnóstico, parece haver uma estrutura modificada no pronoto (detalhe). As duas espécies citadas parasitam N. clavipes (Nephilidae) e um estudo sobre as espécies pode ser baixado aqui.

Nenhum comentário:

Postar um comentário