sábado, 18 de março de 2017

Mosquito Psorophora em São Paulo

Boa tarde Cesar tudo bem? Peguei esse mosquito picando uma das minhas cachorras. Moro há seis meses em Ubatuba e atrás de um rio. Apesar de prevenir minha cachorrada com anti pulga, carrapaticida e Leishmaniose, elas não param de se coçar e estou achando que são esses mosquitos que estão perturbando as bichinhas. De uns dois meses pra cá, notei um aumento grande deles. Você poderia identificar e me dizer se trás algum problema pra mim e para os meus pets? Desde já agradeço!
Drica Dri de Ubatuba, São Paulo.
Drica, infelizmente não vejo nada nas imagens que me dê pra dar um bom palpite. É Culicidae, mas não parece ser mosquito-comum pela forma do abdome. Meu único palpite é que pode ser Ochlerotatus (Culicinae: Aedini), também considerado subgênero de Aedes. Vetbook diz que "elas" gostam mesmo de cães e que são vetores de dirofilariose canina e arboviroses. 


Walther Ishikawa (Planeta Invertebrados):  Fala César! Tudo em ordem?Apesar das fotos não mostrarem muitos detalhes, me chamou a atenção o aspecto peludo das pernas. A última tem extremidade clara, e deu pra ver também a extremidade do abdomen bem pontuda, e a probóscide longa.
Acho que pode ser um "Psorophora (Janthinosoma)". Por exemplo, "P. ferox". Eles picam tanto animais quanto seres humanos.
Abração!

Nenhum comentário:

Postar um comentário